Cloro líquido ou granulado?

25 de abril de 2012 às 8:00 | Publicado em piscina, tratamentos | Deixe um comentário
Tags: , , , , , , ,

Foto: Sistema Manutenções

Atualmente há dois tipos de cloro mais comuns no mercado, o líquido e o granulado. Em ambos os produtos, o agente desinfetante é o mesmo, o cloro, mas há algumas diferenças que podem fazer a diferença na hora de sua escolha.

O líquido, constituído pelo hipoclorito de sódio, possui menor teor de cloro ativo e maior volatilidade (capacidade de evaporação), sendo assim, menos eficiente no tratamento. Por outro lado, sua dissolução na água é mais fácil do que o granulado, composto por hipoclorito de cálcio.

O granulado, por sua vez, possui um teor de 65% de cloro ativo. Há também o cloro granulado estabilizado (dicloroisocianurato de sódio) que possui, em sua fórmula um agente estabilizador que age como um protetor solar, tornando o tratamento mais econômico, já que seu tempo de duração na água é maior.

O fato é que, independente da forma que você optar, deve seguir à risca as instruções para o tratamento, controlando a dosagem do cloro e o pH da água. Além disso, é indispensável a utilização do ozônio para combater as cloraminas, substâncias geradas pela reação de impurezas químicas com o cloro, que são irritantes aos olhos e mucosas e provocam cheiro forte na água.

Para saber como tratar corretamente sua piscina, aconselho a leitura dos seguintes assuntos:

Como dosar o cloro da piscina

Por que controlar o pH da água?

Ozônio para a limpeza da piscina

Aproveite para tirar suas dúvidas, deixe seu comentário!

Blog no WordPress.com. | O tema Pool.
Entries e comentários feeds.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.